COMEÇOU ALISTAMENTO PARA O SERVIÇO MILITAR

Alistamento para o Serviço Militar já começou 1,650 milhão de jovens devem se apresentar O processo de alistamento para o Serviço Militar obrigatório começou neste 02 de janeiro em todo o Brasil. Os jovens que completam 18 anos em 2008 devem comparecer, até o dia 30 de abril, à Junta de Serviço Militar mais próxima da cidade onde mora com certidão de nascimento e duas fotos 3X4. Segundo o Departamento de Mobilização do Ministério da Defesa, a expectativa é que este ano 1,650 milhão de jovens se alistem na Marinha, no Exército ou na Aeronáutica. O ingresso no Serviço Militar depende exclusivamente das aptidões pessoais do jovem. A convocação, exames e seleção são feitas em quatro fases estabelecidas pelas Forças Armadas. A primeira fase é a do alistamento, quando 1,6 milhão de jovens, em média, se apresentam. Em seguida, vem a fase de seleção, realizada entre julho e outubro, e que prevê a convocação de cerca de 600 mil jovens de todo o país para realizar exames físico, cultural, psicológico e moral. Os reprovados nessa fase recebem o Certificado de Dispensa de Incorporação (CDI). Na terceira fase, realizada sempre no ano seguinte ao do alistamento, é feita a distribuição de cerca de 400 mil jovens nas Organizações Militares (OMs), onde eles deverão se apresentar para os trabalhos finais da convocação. A quarta e última fase de seleção, que ocorre em meados de fevereiro de 2009, os alistados apresentados nas Organizações Militares são submetidos a novo exame de seleção (físico, cultural, psicológico e moral), com a finalidade de detectar possíveis problemas surgidos no intervalo de tempo. A média anual de incorporados é 97 mil jovens. Os cerca de 300 mil candidatos restantes são dispensados e colocados no excesso de contingente. Ao final, são selecionados apenas os candidatos que possuem perfil adequado para exercer os cargos e funções nos quartéis. Maiores informações: www.defesa.gov.br/servico_militar Ministério da Defesa Assessoria de Comunicação Social (61) 3312-4070//4071

Sobre o Autor: JORGE CESAR DE ASSIS

Advogado inscrito na OAB-PR. Integrou o Ministério Público Militar da União de 1999-2016. Integrou o Ministério Público paranaense de 1995-1999. Oficial da Reserva não Remunerada da Polícia Militar do Paraná. Sócio Fundador da Associação Internacional das Justiças Militares. Membro Correspondente da Academia Mineira de Direito Militar. Coordenador da Biblioteca de Estudos de Direito Militar da Editora Juruá.