Membros do MPM pesquisarão órgãos congêneres nos países de língua portuguesa. A Escola Superior do Ministério Público da União – ESMPU está com inscrições abertas para os membros da instituição interessados em participar do projeto de pesquisa “O Ministério Público Militar nos Países de Língua Portuguesa". A pesquisa objetiva trocar informações e experiências, estabelecer relações e comparar aspectos institucionais, coletar dados legislativos e bibliográficos dos países de língua portuguesa – Angola, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe, Timor Leste – e preparar bases para iniciativas conjuntas. O projeto é coordenado pela procuradora da Justiça Militar Claudia Rocha Lamas em parceria com a Assessoria de Cooperação Jurídica Internacional da PGR e ocorrerá entre os meses de setembro e outubro de 2008. As inscrições para o projeto de pesquisa encerraram-se no dia 13 de junho e os membros do Ministério Público Militar que foram sorteados são os seguintes: SERGIO DE SALDANHA DA GAMA JUNIOR, de Salvador-BA; ALEXANDRE REIS DE CARVALHO, de Curitiba- PR; ANTONIO PEREIRA DUARTE, de Juiz de Fora- MG; EDMAR JORGE DE ALMEIDA, de Brasília- DF; MARCELO WEITZEL RABELLO DE SOUZA, de Brasília-DF ; MARIO SERGIO MARQUES SOARES, de Brasília- DF e; SOEL ARPINI, de Santa Maria- RS.

Galeria da Notícia

Sobre o Autor: JORGE CESAR DE ASSIS

Advogado inscrito na OAB-PR. Integrou o Ministério Público Militar da União de 1999-2016. Integrou o Ministério Público paranaense de 1995-1999. Oficial da Reserva não Remunerada da Polícia Militar do Paraná. Sócio Fundador da Associação Internacional das Justiças Militares. Membro Correspondente da Academia Mineira de Direito Militar. Coordenador da Biblioteca de Estudos de Direito Militar da Editora Juruá.

Todos os direitos reservados © Jusmilitaris 2020 | Desenvolvido por: